baterias
A bateria de níquel-cádmio é utilizada numa ampla variedade de aplicações estacionárias de uso geral, tais como, alarmes, sistemas fotovoltaicos, telecomunicações, sinalização ferroviária e naval, centrais térmicas, hidroelétricas e nucleares, plataformas petrolíferas e marinhas, entre outras.

A bateria de níquel-cádmio constitui uma das tecnologias de baterias mais estabelecidas na atualidade e de maior produção após as de chumbo-ácido.

A sua maior desvantagem é causada por um efeito transitório de perda de capacidade, comummente conhecido como “Efeito Memória”, quando descarregadas-carregadas até o mesmo nível em repetidas ocasiões. A causa, para expressá-lo dalgum jeito, é que a bateria se “lembra” dos níveis de descarga-carga e sofrerá uma queda de voltagem em descarga neste ponto oferecendo, assim, menos tempo de descarga.

A tecnologia da ecoBatería através dos seus aparelhos pode reduzir consideravelmente o “Efeito Memória” e recuperar em grande parte as capacidades iniciais.

Como equipamento principal para a regeneração deste tipo de baterias recomendamos:


Outro equipamento secundário pode ser necessário e/ou recomendável.